Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/24735
Title: RESPOSTA ANTI-INFLAMATÓRIA COLINÉRGICA: IMPORTÂNCIA NA MODULAÇÃO DA RESPOSTA IMUNE
Authors: KREMER, CAMILLA LIMA CORNÉLIO
Type: Trabalho de Conclusão de Curso
Keywords: Acetilcolina;Nervo Vago
Issue Date: 2018
Abstract: A via anti-inflamatória colinérgica tem sido explorada por diversos pesquisadores ao redor do mundo. Diversos estudos vêm mostrando sua participação na modulação da resposta imunológica, sugerindo um importante papel no controle da inflamação. A acetilcolina (Ach) é um importante neurotransmissor envolvido em diversos processos no sistema nervoso central (SNC) e sistema nervoso autônomo (SNA). É transportada para a corrente sanguínea através da Colina-O-Acetil-Transferase (ChAT) e colina, é transportada e armazenada em vesículas sinápticas por um transportador de ACh (VAChT) e libertada durante um impulso nervoso, favorecendo sua ligação a receptores nicotínicos e muscarínicos expressos na membrana pré e pós- sináptica. Estudos relatam que o funcionamento do sistema colinérgico ocorre pela interação da ACh com esses receptores. O nervo vago é descrito com um mediador de reflexo neuro inflamatório que a controla resposta imune inata e inflamação durante invasão de patógenos e lesão tecidual. É o décimo nervo craniano da divisão do sistema parassimpático com o autônomo. A diminuição da atividade do nervo vago no contexto de doenças metabólicas é bastante discutida. Estudos sugerem que a atividade colinérgica dentro do nervo vago pode suprimir a inflamação em diversas doenças e inverter complicações de origem metabólica e infecciosa.
URI: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/24735
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CAMILLA_LIMA_DEFESA.pdf
  Restricted Access
851.51 kBAdobe PDFView/Open Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.