Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/24789
Título: INTERFERÊNCIAS NO PROCESSO DE ALEITAMENTO MATERNO EXCLUSIVO
Autor(es): ARAUJO, EVELYN BRAZ DE
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Palavras-chave: Aleitamento Materno;Desmame Precoce
Data do documento: 2018
Resumo: A amamentação é uma atitude indispensável para o desenvolvimento da criança, configurando-se como a maneira mais eficaz de nutri-la, protegendo-a de doenças e principalmente favorecendo para o estabelecimento do vínculo entre mãe e filho, sendo esta uma prática aprendida pela mãe e seu bebê. Contudo, o processo de aleitamento materno exclusivo está suscetível a sofrer interferências que podem ocasionar o desmame precoce. Partindo desse pressuposto, levantou-se a seguinte questão norteadora: Em que medida a pega incorreta da mama pode interferir no aleitamento materno exclusivo e influenciar no desmame precoce? Este estudo teve como objetivo geral, compreender como a pega incorreta da mama pode interferir no aleitamento materno exclusivo e influenciar no desmame precoce. E os objetivos específicos foram: descrever a pega incorreta da mama; discutir sobre a importância do enfermeiro frente ao processo de aleitamento materno exclusivo e por fim, apontar estratégias para o enfrentamento desta interferência no aleitamento materno. A metodologia utilizada foi a revisão bibliográfica, caracterizando-se como uma pesquisa qualitativa e descritiva, com o levantamento das informações sobre o tema nos dados do Ministério da Saúde (MS) e artigos encontrados nas bases de dados da Biblioteca Virtual de Saúde (BVS), durante o período de abril/2018 a agosto/2018. Os resultados evidenciaram que diversos são os fatores que podem interferir de forma negativa no aleitamento materno exclusivo, por meio de um ciclo vicioso que tem início com a pega incorreta da mama, podendo evoluir para o desmame precoce. O profissional enfermeiro tem papel fundamental desde o prénatal, parto e puerpério, por meio da escuta ativa e acolhimento, sendo sua responsabilidade comunicar-se com a mãe e seus familiares de forma clara, esclarecendo suas dúvidas, medos e anseios. Contando ainda com o auxílio de estratégias para o enfrentamento desta interferência durante o processo de amamentação que têm em vista, apoiar, incentivar e promover o aleitamento materno exclusivo evitando o desmame precoce, além de favorecer a redução da mortalidade infantil. Sendo o enfermeiro o profissional presente durante todas as etapas, pré-natal, parto e puerpério, é essencial que este se capacite com conhecimentos técnicos sobre a amamentação, além de serem primordiais, conhecimentos e habilidades que apoiem e acolham a mãe e seus familiares, sendo capaz de sanar seus questionamentos, através da troca de informações de forma clara, possibilitando assim, para que não ocorra a interrupção antecipada do aleitamento materno exclusivo.
URI: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/24789
Aparece nas coleções:Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
EVELYN_BRAZ_DEFESA.pdf
  Restricted Access
476.79 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir    Solictar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.