Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/24978
Title: A PRÁTICA PROFISSIONAL DO SERVIÇO SOCIAL E OS DESAFIOS DA ADOÇÃO TARDIA NO BRASIL
Authors: GARCIA, MONIQUE DE OLIVEIRA
Type: Trabalho de Conclusão de Curso
Keywords: Crianças e Adolescente;Adoção
Issue Date: 2019
Abstract: No Brasil há muitas famílias compostas com crianças e adolescentes que não tem a proteção e os laços da convivência são rompidos, sendo destituídas de suas famílias por motivos variados, como violência, negligência, abandono, extrema pobreza. Passando assim pelo processo de adoção. Onde o Estado tem o dever de assegurar à criança e ao adolescente, os seus direitos adquiridos pelo Estatuto da Criança e Adolescente – ECA. Assim a pesquisa traz como problema: de que maneira o profissional do Serviço Social contribui para o processo de adoção tardia de crianças e sua inserção ao convívio familiar? Tem por objetivo geral: Debater sobre adoção tardia e o trabalho de intervenção do profissional do Serviço Social no âmbito jurídico. Quanto aos objetivos específicos são eles: 1º) Conhecer o processo histórico da criança e adolescente no Brasil; 2º) Estudar sobre a adoção e adoção tardia e a lei e direitos vigentes que amparam essa demanda; 3º) Compreender a importância do trabalho do profissional do Serviço Social no processo de adoção. Para tanto, adota como metodologia de pesquisa para este trabalho o processo de pesquisa bibliográfica. Sendo qualitativa realizada através de leitura documental analítica e seletiva de textos de livros, revistas especializadas, artigos e publicações da internet, contextualizando conforme o assunto em questão. Assim o trabalho trouxe a discussão e reflexão sobre a adoção tardia no Brasil e a política de proteção à crianças e adolescentes e os avanços ocorridos com a o Estatuto da Criança e Adolescente, incluindo o processo de adoção. Contextualizou a história da infância no Brasil e a família como principal instituição de proteção da criança e adolescente e suas transformações ao longo do tempo, além de abordar os fatores que levam a destituição do poder familiar. Isto posto, destacou-se o trabalho do profissional do Serviço Social no processo de adoção, ressaltando os principais desafios e possibilidades do trabalho do profissional do Serviço Social para efetivação dos direitos das crianças e adolescentes no processo de adoção tardia e sua inserção no convívio familiar.
URI: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/24978
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONIQUE_DE_OLIVEIRA_DEFESA.pdf
  Restricted Access
878.47 kBAdobe PDFView/Open Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.