Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/24055
Title: TOXOPLASMOSE: NEO NATAL, PÓS NATAL E EM IMUNOSSUPRIMIDOS
Authors: ABREU, SHEILA ALONSO VIEIRA DE
Type: Trabalho de Conclusão de Curso
Keywords: Toxoplasma Gondii;Toxoplasmose
Issue Date: 2018
Abstract: Toxoplasma gondii, um protozoário formador de esporos, parasita coccídeo intracelular distribuído mundialmente com prevalência alta, chegando a 60% em um mesmo país, no Brasil a taxa é de 60 a 80%. Os principais fatores além dos fatores geográficos, clima e formas de transmissão, a soropositividade para toxoplasmose aumenta com a idade. Uma zoonose comum entre os vertebrados, principalmente os mamíferos (carneiro, cabra e porco) e aves, doença dos vasos sanguíneos e linfáticos. As principais vias em que o ser humano adquire a toxoplasmose são: ingestão de oocistos presentes em alimento ou água contaminados, jardins, caixas de areia, latas de lixo ou disseminados mecanicamente por moscas, baratas, minhocas, etc. Ingestão de cistos em carnes cruas ou malcozida de porco e carneiro. Congênita ou transplacentária com risco de 14% no primeiro trimestre e 59% no último trimestre, após a mãe ser infectada. Pequenas ações no dia-a-dia poderiam corroborar para a diminuição das taxas de incidência, como lavar e cozinhar bem os alimentos, condicionar o lixo em local adequado, controle de ratos e insetos, evitar o contato com gatos e cães de rua, ter o cuidado adequado principalmente com os gatos domésticos lavando sempre as mãos após a manipulação do animal e de seus rejeitos. A informação é o único meio disponível para que isso aconteça, muitas pessoas ainda não têm o hábito de se prevenir. Portanto, é importante ter estudos que traz a público conhecimentos pré-estabelecidos sobre a Toxoplasmose, quais os principais métodos diagnósticos, de tratamentos e reforçando como devem ser os métodos de prevenções da doença. Nesse contexto, o objetivo desse trabalho visa descrever as principais formas de contágio, diagnósticos e de prevenção da toxoplasmose. Descrever as formas de transmissão e apontar os métodos diagnósticos e tratamentos utilizados atualmente. Assim para o desenvolvimento deste trabalho de revisão, realizou-se uma pesquisa bibliográfica, utilizando as bases de dados Scielo, onde foi encontrado 81 artigos, além de livros que abordavam o tema. Os critérios de inclusão foram os artigos originais, nacionais e internacionais, publicados na língua portuguesa, inglesa e espanhola, que relatam as formas de contaminação pelo Toxoplasma gondii, as principais formas de diagnóstico, tratamento e prevenção, além dos medicamentos utilizados atualmente.
URI: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/24055
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SHEILA ALONSO VIEIRA DE ABREU_DEFESA.pdf
  Restricted Access
368.5 kBAdobe PDFView/Open Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.