Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/31391
Title: AS PRÁTICAS DOCENTES EM DIÁLOGO COM A ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA EM TRÊS ESCOLAS DE ENSINO MÉDIO EM TEMPO INTEGRAL EM MATO GROSSO NA ÓTICA DO CONHECIMENTO ESPECIALIZADO DO PROFESSOR
Authors: DAHMER, CLÁUDIA INÊS
Type: Dissertação
Keywords: Ensino de Biologia;MTSK
Issue Date: 2020
Abstract: Este trabalho, resultante da investigação de mestrado que integra a linha de pesquisa Fundamentos Teóricos e Metodológicos da Educação Escolar, tem como objetivo compreender quais conhecimentos especializados do professor a ensinar e para ensinar contribuem com a Alfabetização Científica dos estudantes, fundamentada no modelo teórico ―Conhecimento Especializado de Professores de Biologia (BTSK)‖. Esse instrumento, BTSK, se constitui como uma técnica de análise cujas categorias, obrigatoriamente, são dadas a priori, composta por dois domínios, divididos cada um em três subdomínios, sendo um deles representado pelos conhecimentos didáticopedagógicos do professor, que dizem respeito a: a) ensinagem; b) aprendizagem; c) standards/padrões/parâmetros. E os três subdomínios da ciência Biologia que se referem a: a) temas; b) estrutura; c) natureza da biologia, e neste caso será usada para analisar episódios de ensino ministrados por professores de Biologia. A ideia é, portanto, analisar minuciosa e microscopicamente, tanto quanto é possível em modelos teóricos, essas aulas por meio da orientação do modelo BTSK e identificar se elas têm profundidade e consistência/aplicabilidade e podem, assim, presumir alcançar ao idealda Alfabetização Científica. O BTSK busca descrever e caracterizar quais conhecimentos especializados um professor tem ou deveria ter para ensinar conteúdosde Biologia. O encaminhamento metodológico é de natureza qualitativa e descritiva. Os dados foram produzidos por meio de observações de aulas de três professores regentes de turmas de 2º ano do Ensino Médio, em Escolas de Educação em Tempo Integral no estado de Mato Grosso na temática fisiologia vegetal de plantas superiores. Os dados foram assentados nas referidas categorias dadas a priori pelo modelo e permitiram identificar e descrever os conhecimentos especializados, tanto do domínio da Ciência quanto do domínio Pedagógico. Como resultados foram encontrados 33 conhecimentos: na maioria, indícios de conhecimento de conteúdos/temas da Ciência Biologia. Conclui-se que, nestes episódios de ensino específicos, o conhecimento do professor mobilizado, majoritariamente, em conteúdos, fora considerado insuficiente para alcançar a dimensão de Alfabetização Científica, cujos pressupostos propõem que o domínio do conteúdo articulado a uma prática problematizadora, será potencialmente significativo na formação para a cidadania e, assim, ambos poderiam contribuir para a construção de sujeitos/estudantes cientificamente alfabetizados.
URI: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/31391
Appears in Collections:Dissertações do Mestrado em Ensino

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CLÁUDIA INÊS DAHMER.pdf2.46 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.