Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/33185
Title: TESTES FUNCIONAIS SIMPLES, RÁPIDOS E DE BAIXO CUSTO REFLETEM A CAPACIDADE FUNCIONAL DE EXERCÍCIO AVALIADA PELO TESTE DA CAMINHADA DE SEIS MINUTOS EM IDOSOS?
Authors: MOREIRA, NATALIA NEVES
CORREIA, NATIELLY BEATRIZ SOARES
FURLANETTO, KARINA COUTO
Type: Publicação em Anais
Keywords: Idosos;Saudáveis;Funcionalidade;Testes Funcionais
Issue Date: 2020
Abstract: Introdução: O Teste de Caminhada de 6 minutos (TC6min) é amplamente recomendado na avaliação da capacidade funcional de exercício de idosos. Com a crescente utilização de testes funcionais mais simples e rápidos hipotetizou-se que estes poderiam identificar a baixa capacidade de exercício nesta população. Objetivo: Investigar quais testes funcionais refletem o desempenho obtido no TC6min de idosos e determinar os pontos de corte que discriminam a pior capacidade funcional de idosos. Métodos: Estudo transversal, multicêntrico, com idosos aparentemente saudáveis (≥60 anos), avaliados quanto à função pulmonar (espirometria). Foram realizados os teste Sit-to-Stand 5 repetições (STS5rep), 30 segundos (STS30seg) e 1 minuto (STS1min), velocidade usual e máxima da marcha em 4 metros (4MGSus; 4MGSmáx), teste Timed-up-and-go usual e máximo (TUGus; TUGmáx) e Short Physical Performace Battery (SPPB). Todos realizaram o TC6min. Resultados: Analisados 113 idosos, com idade 67 [64-73] anos; IMC 26 [24-30] Kg/m2; VEF1/CVF 95 [85-103]. Modelos de regressão identificaram associação do TC6min com todos os testes funcionais avaliados (0,08<R2<0,24; p≤0,05 para todos). A curva ROC identificou o ponto de corte de cada teste funcional que discrimina a pior capacidade de exercício no TC6min (< 80% do previsto por Brito, 2013). Os valores de área abaixo da curva (AUC) foram excelentes (0,549 < AUC < 0,860), com sensibilidade (S) (0,092<S<0,885) e especificidade (E) (0,240<E<1,000) variáveis. Conclusão: Todos os testes funcionais investigados refletiram a capacidade de exercício. Pontos de corte de testes funcionais simples podem ser utilizados na prática clínica para identificar idosos com baixa capacidade de exercício.
URI: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/33185
Appears in Collections:11º Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica / 2º Seminário de Pesquisa e Pós-Graduação Stricto Sensu



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.